Responsabilidade Social

Responsabilidade Social (SA 8000 e ISO 26000)

E

scolher a Ferramenta de Gestão para a Responsabilidade Social Corporativa mais adequada ao estado de evolução de uma organização é fundamental para a estratégia do negócio. Assim, a NBS desenvolveu metodologia adequada para apresentação gerencial e identificação de necessidades.

MECANISMOS E FERRAMENTAS DE GESTÃO DA RESPONSABILIDADE SOCIAL

Os executivos podem avaliar a feramenta ou conjunto de ferramentas mais adequadas para a gestão social em seu ambiente corporativo, alinhando o atendimento das expectativas dos stakeholders, qualidade de vida dos colaboradores e o escopo dos negócios.

Nossa metodologia considera:

• As principais ferramentas de gestão – características gerais das 22 ferramentas mais conhecidas – Modelos “fundamentais” e modelos “processuais”
• Declaração de direitos humanos – Direitos das crianças e adolescentes
• Carta da Terra e Metas do Milênio
• Pacto Global da ONU
• Princípios de governança (OCDE, NYSE, Bovespa)
• SA8000
• Indicadores Ethos
• Balanços Sociais
• Princípios do FSC
• AA1000
• Projeto Sigma
• NBR 16001 e ISO 26000
• Debates sobre a aplicação em organizações

AA 1000

A AA1000 foi desenvolvida pelo ISEA – Institute of Social and Ethical Accoutability (Instituto de Responsabilidade Social e Ética), supervisionado e aprovado pelo seu conselho, o qual inclui representantes e especialistas de várias regiões e setores econômicos. Este processo realizado pelo ISEA foi desenvolvido para assistir organizações na definição de objetivos e metas, na medição do progresso em relação a estas metas, na auditoria e relato da performance e no estabelecimento de mecanismos de feedback. O desenvolvimento da estrutura AA1000 foi formulado a partir das melhores práticas em Responsabilidade Social, ética, auditoria e relato, conforme identificado nas práticas exercidas por seus adeptos e provedores de serviços, bem como a partir da análise de acadêmicos, das organizações de sociedade civil, e das normas de RSE existentes.

As normas de processo da AA1000 associam a definição e a integração de sistemas dos valores da organização com o desenvolvimento das metas de desempenho e com a avaliação e comunicação do desempenho organizacional. Por este processo, focalizado no comprometimento da organização para com os Stakeholders, a AA1000 vincula as questões sociais e éticas à gestão estratégica e às operações da organização. Além de abranger pequenas e grandes organizações baseadas em um único local, em múltiplos locais, multinacionais e organizações públicas e privadas e sem fins lucrativos, a AA1000 inclui outras normas ambientais, sociais e de gestão da qualidade, como: SA 8000, ISO 9000, ISO 14000, OHSAS 18001, etc..

A AA1000 compreende princípios (as características de um processo de qualidade) e um conjunto de normas de processo. As normas de processo cobrem os seguintes estágios:

– Planejamento
Definição do comitê e revisão dos valores sociais e éticos e dos objetivos e metas;

– Responsabilidade
Definição do escopo, coleta e análise das informações, desenvolvimento de indicadores de desempenho, bem como planos de melhoria;

– Auditoria e Relato
Preparação dos relatórios demonstrativos dos sistemas e do desempenho organizacional, incluindo as ações éticas e sociais, sendo acessível para os stakeholders afim de obter feedback dos mesmos;

– Integração de Sistemas
Sistemas desenvolvidos, que se integram para apoiar e implementar as atividades éticas e sociais;

– Comprometimento dos Stakeholders
O envolvimento dos mesmos em cada etapa do processo da AA 1000 é crucial, já que somente através dele, constrói-se a credibilidade na organização e no que se relata.

SA 8000

A Norma SA 8000, publicada pela “Social Accoutability International” (SAI) e inspirada na Norma de Sistema de Gestão da Qualidade ISO 9000, foi baseada nos princípios de normas internacionais de direitos humanos, como delineados nas Convenções de Organizações do Trabalho Internacionais, na Convenção das Nações Unidas sobre os Direitos da Criança e na Declaração Universal de Direitos Humanos.

Tem nove áreas principais:

• Trabalho infantil
• Trabalho forçado
• Saúde e segurança
• Liberdade de associação e direito à negociação coletiva
• Discriminação
• Práticas disciplinares
• Horário de trabalho
• Remuneração
• Sistemas de gestão

O sistema de certificação consiste de Órgãos Certificadores Credenciados pela SAI que, em geral, são Órgãos Certificadores já existentes anteriormente para certificação ISO 9000, ISO 14000, etc..

A certificação em SA 8000 demonstra que a empresa certificada atua com responsabilidade social e possui condições de trabalho adequadas, o que pode ser institucionalmente muito vantajoso para a empresa. Pode, inclusive, vir a facilitar exportações para grandes mercados, como o europeu e o norte americano.

Por que escolher a NBS?

1. Abordagem Objetiva

Aplicamos os conceitos de análise de riscos para focar nos fatores que provocam impacto adversos aos negócios e nas operações. Temos capacitação e experiência no desenvolvimento e implementação de ferramentas de gestão organizacional, de forma a prover soluções simples e integradas para problemas complexos.

2. Compromisso com os Resultados

Utilizamos as técnicas de Gerenciamento de Projetos para garantir a qualidade e os prazos estabelecidos. Desta forma, não atuamos apenas como consultores, mas também como Gerentes de Projetos, provendo confiança para os clientes quanto ao atendimentos de prazos e cronogramas.

3. Trabalho em Equipe

Atuamos em conjunto com as pessoas da organização, buscando o envolvimento e comprometimento das pessoas chaves e respeitando à cultura da organização.

4. Conhecimento

Nossa visão é compartilhar e transferir conhecimento para os clientes. Acreditamos que esta é a melhor forma para assegurar o desenvolvimento das equipes envolvidas em nossos projetos de forma que seja possível perpetuar as soluções desenvolvidas e implementadas.